Ação Social Arquidiocesana

O que é a ASA

 

Exibindo Foto Folder o que é a ASA.pngExibindo Foto Folder o que é a ASA.pngA Ação Social Arquidiocesana, também designada pela sigla ASA, foi fundada em 17 de novembro de 1960, é uma associação  civil, sem fins lucrativos econômicos, serviço da Arquidiocese de Florianópolis, filiada a Cáritas Brasileira. Desenvolve sua  atuação nos trinta (30) municípios que formam a Arquidiocese de Florianópolis. Seu quadro de associados atualmente é formado  por 48 Ações Sociais Paroquiais, que desenvolvem trabalhos junto as comunidades empobrecidas no atendimento às famílias,  especialmente a crianças e adolescentes, pessoas idosas e mulheres.

 

 A ASA é reconhecida pelo Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS) como beneficente de assistência social (filantrópica),  além de possuir os títulos de utilidade publica municipal, estadual e federal. 

 

 Para o quinquênio 2010-2015, a ASA optou por quatro Diretrizes de Ação: Fortalecimento da Rede ASA, Acesso e Controle Social de Políticas Públicas e Desenvolvimento Solidário e Sustentável – DSS e Sustentabilidade Financeira.

 

2016 - Projeto Caridade Social na Arquidiocese

Em julho de 2014 na 28α Assembleia Arquidiocesana de Pastoral foi aprovado o projeto “ A Caridade Social na Arquidiocese”.  A elaboração do Projeto nasceu da necessidade de organizar, divulgar e incentivar a prática da Dimensão da Caridade Social na Arquidiocese de Florianópolis.

 

O projeto está em consonância com as linhas de ação presentes na quinta urgência do 13 Plano Arquidiocesano de Pastoral e das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil “Igreja a serviço da vida plena para todos”.

 

Esta proposta pretende ser veículo de divulgação e conscientização em toda a Arquidiocese, da prática da caridade fraterna, como identidade cristão e da estreita ligação entre o evangelho e a luta por melhores condições de vida para todos.

 

O  objetivo geral é “contribuir com a dimensão social e da caridade, com vistas à construção, organização, ampliação, unificação e divulgação de todos os trabalhos sociais e caritativos na Arquidiocese”. Será desenvolvido em âmbito arquidiocesano, forâneo e paroquial, sob a coordenação da Ação Social Arquidiocesana (ASA).

 

Entre as atividades previstas no projeto destacam-se:

 

* Fortalecer a conscientização para a prática efetiva da solidariedade e caridade cristã, como atitude indissociável da vivência da fé;

 

* Recuperar a presença pública da Igreja nas políticas públicas a favor da vida humana nas lutas pelas melhorias, tais como: saúde, educação,   segurança, alimentação e transporte;

 

* Promover a articulação com as pastorais e movimento de modo a desenvolverem trabalhos conjuntos de conscientização e prática da caridade social;

 

* Divulgar a enorme riqueza dos trabalhos sociais e caritativos desenvolvidos em toda arquidiocese;

 

* Fomentar e incentivar a prática da caridade social em todos os seguimentos paroquiais;

 

* Estruturar e organizar, onde for necessário, as ações sociais paroquiais de forma a adequá-las gradativamente à legislação vigente, para o enquadramento como Entidades de Assistência Social;

 

* Despertar e motivar a criação e organização das pastorais sociais paroquiais;

 

* Incentivar e promover formação para participação nos conselhos municipais de políticas públicas.